Pixel
  • /
  • /
  • Serviços de frete marítimo de carga

Frete marítimo na Europa

O frete marítimo é reconhecido como um componente importante do comércio global e do desenvolvimento sustentável.
O transporte marítimo de cargas (ou o frete marítimo de mercadorias) está intimamente ligado às invenções e à expansão dos contêineres padronizados.

Antes que o transporte de contêineres se tornasse popular, o carregamento e a descarga de itens em um navio exigiam mão de obra e era uma tarefa demorada. Além disso, o espaço não poderia ser usado de forma eficiente. O transporte em contêineres permitiu tempos de manipulação mais rápidos, bem como economias financeiras.

Além disso, o transporte intermodal se desenvolveu como conseqüência do uso de contêineres padronizados porque permitiu que a carga fosse movida de um modo de transporte para outro.

    O frete marítimo permite e aumenta a globalização

    O frete marítimo está intimamente relacionado com a globalização porque permitiu a expansão das cadeias de abastecimento de vários continentes. Os baixos custos laborais e de fabricação identificados em outros mercados no exterior levaram a uma mudança na forma como os bens são disponibilizados aos consumidores. Por exemplo, os ingredientes podem agora ser colhidos em um continente, enviados através do oceano para outro continente para serem processados e transportados para outro lugar ou então enviados de volta ao local inicial para serem lá consumidos. Em resumo, os processos não são mais realizados em um único local, mas sim em vários lugares, ajudando a minimizar os custos totais.

    O frete marítimo pode conectar continentes e transportar carga pesada a um preço acessível. Os revestimentos marítimos são adaptados aos tipos de carga cujo transporte não poderia ser facilmente realizado por outros meios de transporte. Variando de grãos paletizados, minerais, produtos crus ou semi-crus para mercadorias perigosas, o transporte marítimo de mercadorias é a opção mais viável quando os prazos de entrega não são críticos.

    Portanto, a circulação de mercadorias dos mercados de trabalho para os mercados de consumo é principalmente facilitada pelo frete marítimo.

      O frete marítimo hoje em dia

      O frete marítimo, às vezes referido como frete em vias navegáveis, move cerca de 40% da carga na União Europeia, sem levar em conta o frete fluvial.

      O frete marítimo é a opção de transporte mais versátil quando se trata de transportar uma ampla gama de commodities. No entanto, para transportar uma carga da linha de partida para o destino, são necessários muitos modos de transporte. Isto significa que, em geral, o transporte marítimo é mais um componente do transporte multimodal do que o único meio de transporte.

      O frete marítimo registou uma ligeira diminuição no volume enviado. Apesar da diminuição, o frete marítimo lida com mais de 60 vezes o volume manipulado por frete aéreo, tornando-o mais resiliente no setor de transporte.

      É um modo de transporte menos visado, mas tem um papel essencial na importação e exportação de alimentos em todo o mundo, reduzindo os custos e ligando produtores e consumidores.

        Transporte marítimo profundo, transporte marítimo de curta distância e transporte fluvial

        O transporte marítimo profundo é o transporte em longas distâncias, atravessando o oceano e realizado por navios maiores que podem ser adaptados a vários tipos de bens comerciais. Essas embarcações também podem servir em distâncias menores.

        O transporte marítimo de curta distância, denominado também transporte costeiro, abrange o transporte de mercadorias em distâncias curtas, ao longo das linhas costeiras entre dois portos, sem atravessar o oceano. Os navios menores são usados para transporte marítimo de curta distância e geralmente são construídos e otimizados para o tipo particular de commodities e trades. Isso significa que eles nem sempre são ajustáveis para o transporte de diferentes tipos de cargas.

        As vias navegáveis interiores são as águas navegáveis dentro de um país usado para o transporte fluvial. As barcas são usadas para transportar o frete através de canais, lagos e rios.

        Quando os custos do transporte de curta distância e navegação fluvial são menores do que o transporte rodoviário e ferroviário, eles se tornam um substituto para esses modos de transporte.

          Quando escolher um transporte marítimo?

          • VolatilidadeVolatilidade - os navios têm capacidade para acomodar grandes massas de mercadorias, de diferentes tipos, formas e volumes;
          • Taxas acessíveisTaxas acessíveis – graças ao baixo consumo de combustível, os custos do frete marítimo às vezes são 5 vezes menores do que o frete aéreo, sendo a melhor opção para reduzir os custos;
          • Sensível ao prazoSe a mercadoria não é sensível ao fator prazo – porque o cronograma do frete marítimo é vulnerável às mudanças climáticas e os atrasos podem ocorrer;
          • Bens perigososUma opção viável para o transporte de mercadorias perigosas – ao contrário dos serviços de frete aéreo, alguns transatlânticos são certificados para o transporte de mercadorias perigosas e também estão fornecendo recipientes com temperatura controlada.

          Serviços de transporte marítimo de carga

          Semelhante à terminologia utilizada no transporte rodoviário de mercadorias, os serviços de frete marítimo em contêiner são:
          • Carga total do contentores (FCL) – um contentor destina-se a um único destinatário. Os expedidores recorrem a esta solução quando precisam transportar cargas valiosas ou grandes cargas.
          • Menos do que a carga de contentor (LCL) – o espaço em um contentor é compartilhado entre muitos carregadores. Como os custos são divididos entre os carregadores, esta solução é mais conveniente e geralmente é usada para transportar mercadorias menores.
          • Roll on rol off (RoRo) – este é um método usado para o transporte de carros, motocicletas e máquinas pesadas. Eles são carregados no casco do navio.

          O futuro do frete marítimo

          Espera-se que o volume de frete enviado pelo mar cresça como uma alternativa ao frete aéreo..

          Quando se trata do futuro do frete marítimo, o tema principal é a capacidade de resposta a questões ambientais e energéticas. A Organização Marítima Internacional definiu diferentes diretrizes para melhorar o transporte marítimo e o impacto que ele tem nas comunidades e nas águas.

          Além de menos emissões de carbono e menor impacto que o transporte marítimo de mercadorias tem para o meio ambiente em comparação com os outros tipos de transportes, faz-se ainda necessário tomar mais medidas para assegurar um transporte ambientalmente sustentável.