Imigrar para o Japão: como se mudar para o Japão?

Esqueça os estereótipos, o Japão é muito mais do que sushi e animes. Por ter uma economia em alto desenvolvimento, o país atrai milhares de expatriados por ano. Ao decidir imigrar, organize a sua mudança para o Japão connosco. Trabalhamos com algumas das empresas mais reconhecidas do mercado para oferecer serviços de transportadora do Brasil ou de Portugal para o Japão com preços acessíveis e alta qualidade.


Digite para pesquisar
Digite para pesquisar

OPINÕES SOBRE NÓS

Uma marca de confiança



INFORMAÇÕES BÁSICAS

Organize a sua mudança internacional para o Japão com a Eurosender

Conhecido como a terra do sol nascente, o Japão tem uma cultura fascinante e milenar. Com uma culinária típica, transporte público de ponta e as mais variadas paisagens, o Japão é o destino dos sonhos de muitos expatriados. São milhares as vantagens de morar no Japão, mas, por ser um país tão diferente dos costumes ocidentais, talvez seja necessário um tempo de adaptação. Para que a sua realocação seja fácil, preparámos este guia de como se mudar para o Japão com informações sobre custo de vida, documentos necessários e o melhor serviço de mudança – a começar por algumas informações básicas:

Capital
Tóquio
Fuso horário
UTC +9
Moeda
Iene (JPY – ¥ ou 円)
População
126 milhões
Idioma oficial
Japonês
Código de discagem internacional (DDI)
+81
Número de emergência
110
Condução
Pela esquerda

PLANEAMENTO DA MUDANÇA

Quais os custos de se mudar para o Japão

Oferecemos serviços de empresas de mudança para o Japão adequados para o envio de bagagens, equipamentos desportivos, eletrodomésticos e até mesmo motocicletas. Com o nosso serviço porta-a-porta, os seus itens serão enviados por um serviço de transportadora diretamente de sua morada no Brasil para o seu novo lar no Japão.

Envio expresso

Entregas em todo o mundo em 24-72h
Saber mais

Transporte de carga

Transporte ideal para móveis e bens volumosos
Saber mais

Oferta Individual

Um envio planeado especialmente para si
Saber mais

Vistos para morar no Japão

Cidadãos de um país com isenção de visto podem permanecer no Japão por até 90 dias mediante a apresentação de passaporte válido. Aproximadamente 70 países fazem parte desta lista, incluindo Portugal e os demais países da UE.

Cidadãos dos restantes países necessitam de visto temporário. Tal significa que brasileiros precisam de visto para visitar o Japão, seja o visto de turismo ou de trânsito.

Quando planeia viver no Japão permanentemente por um período maior, todos os estrangeiros devem candidatar-se ao visto adequado para que possam morar legalmente no Japão. Os vistos para o Japão são divididos em dois grupos:

  • Sistema de pontos. Se é um profissional qualificado em áreas com muita procura no mercado de trabalho japonês, como engenharias, business ou pesquisa, poderá candidatar-se ao sistema de pontos. Neste programa, são concedidos pontos por todas as suas qualificações e experiência profissional e deve ter pelo menos 70 pontos para se qualificar para o visto.
  • Sistema regular. Dedicado aos emigrantes que não se enquadram no sistema anterior. Existem vários vistos para morar no Japão que fazem parte desta categoria, como: visto de trabalho, visto de estudante ou de reunião familiar.
Brasileiros não descendentes de japoneses podem morar no Japão?

Por lei, apenas filhos nipónicos têm direito à cidadania, com a condição de que a criança tenha sido devidamente registada no governo japonês após o nascimento. Descendentes de outras gerações devem abdicar da cidadania brasileira se desejam obter a japonesa, além de ter de satisfazer uma lista de requisitos. Como alternativa, brasileiros descendentes e não descendentes podem morar no Japão com o visto permanente, assim como fazem os demais imigrantes.

Envie documentos urgentes de ou para a embaixada japonesa com o nosso Envio Expresso de Envelopes. O prazo de entrega é de 24h no mesmo continente e 72h no mundo.
Quero um envio expresso!

Informações sobre imóveis no Japão

O Japão é um país com uma população demasiada grande para o tamanho do seu território. Para contornar esta situação, os japoneses tornaram-se mestres no aproveitamento do espaço e fazer com que até os ambientes mais pequenos sejam extremamente confortáveis. A grande maioria dos imóveis no Japão são estreitos e compactos. Se quer saber quanto custa arrendar ou alugar um apartamento em Tóquio ou Osaka, reunimos uma média de preços em seguida.

  • Tóquio: Por ser a capital, Tóquio tem o custo de arrendamento de apartamento mais caro do Japão. Um apartamento de um quarto no centro custa em média 80.000 – 200.000 JPY (730 – 1.800 USD), enquanto que um apartamento de três quartos na mesma região custa 90.000 – 250.000 JPY (820 – 2.300 USD) por mês.
  • Osaka: Um dos destinos mais populares para jovens que decidem imigrar para o Japão para estudar, a cidade de Osaka tem preços de imóveis mais amigáveis. Um apartamento de um quarto na região central custa em média 55.000 – 80.000 JPY (500 – 730 USD) por mês e um apartamento maior, com três quartos, custa 120.000 – 170.000 JPY (1.100 – 1.550 USD).

* As conversões neste artigo foram feitas com base na seguinte taxa de câmbio: 1 USD – 110 JPY (atualizado em 22/01/2020).


Quando custa o serviço de uma empresa de mudanças para o Japão?

Digite para pesquisar
Digite para pesquisar

O QUE DIZEM SOBRE NÓS

Os nossos clientes confiam nas nossas soluções



VIVER NO JAPÃO

Custo de vida no Japão

O custo de vida mensal no Japão varia muito dependendo de onde se vive. O custo de vida em Tóquio é o mais alto do país, mas esta é também a cidade com maior oferta de vagas de emprego e melhor infraestrutura, principalmente para estrangeiros como portugueses e brasileiros. Além da capital, Yokohama, Osaka e Kyoto também estão entre os melhores lugares do Japão para se morar por serem as cidades com maior qualidade de vida do Japão.

Verifique em baixo uma média dos custos básicos mensais de um estrangeiro que decide imigrar e viver no Japão.

  • Arrendamento mensal: 40.000 – 150.000 JPY (360 – 1.400 USD)
  • Utilidades: 10.000 – 34.000 JPY (95 – 310 USD)
  • Internet: 4.700 JPY (44 USD)
  • Transporte público mensal: 10.000 JPY (90 USD)
  • Uma refeição diária: 890 JPY (8 USD)
  • Um café: 400 JPY (3,50 USD)

Precisa de enviar documentos urgentes para o Japão? Seja um contrato de apartamento ou matrícula na universidade

Envie os seus documentos com o nosso Envio Expresso de Envelopes.

Envie documentos urgentes


Mercado de trabalho no Japão – empregos para brasileiros e portugueses

Como resposta à diminuição e ao envelhecimento da população, o Japão está a facilitar a entrada de imigrantes que desejam morar e trabalhar no país para garantir que a economia continue em desenvolvimento. A forma mais fácil de imigrar para o Japão para trabalhar é se já tiver um contrato, mas também existem muitas oportunidades no mercado de trabalho japonês para os aprovados no programa de profissionais qualificados.

Alguns dos setores com maior oferta de vagas de emprego para estrangeiros no Japão são turismo, manufatura, hospitalidade e pesquisa – mas nenhuma delas é mais valorizada do que ser professor de inglês, que é a profissão mais bem paga do Japão. Portanto, os brasileiros e portugueses encontram mais oportunidades de emprego no Japão se forem fluentes em inglês a nível profissional. No entanto, a fluência noutro idioma pode ser vista como uma vantagem no mercado de trabalho japonês. Além da oportunidade de trabalhar em empresas brasileiras com sede no Japão, os setores com mais vagas de emprego para brasileiros e portugueses são hospitalidade, turismo e entretenimento.

Encontrar um emprego é a forma mais rápida para não descendentes imigrarem legalmente para o Japão. Com um visto permanente, os não descendentes que trabalharem e morarem no Japão durante 5 anos consecutivos têm a possibilidade de dar início ao processo para obter a cidadania.


Sistema educativo japonês: escolas para portugueses e brasileiros

Ao decidir morar no Japão com os seus filhos, o grande desafio do sistema educativo japonês em termos de adaptação será a língua. As aulas nas escolas públicas e particulares são lecionadas em japonês, apesar do inglês ser obrigatório como língua complementar. As vagas nas escolas são distribuídas com base na localização de sua morada, tanto no sistema público como no privado. O tipo de escola que o aluno frequenta durante este período determinará quais as universidades a que ele se poderá candidatar. Portanto, é fundamental que escolha com cuidado a cidade onde irá morar ao mudar-se para o Japão com os seus filhos.

Grande parte dos expatriados que se mudam ao Japão preferem matricular os seus filhos em escolas internacionais que oferecem aulas no idioma e currículo de países ocidentais. Existem escolas americanas, inglesas, portuguesas, coreanas e muitas outras. Os imigrantes brasileiros e portugueses têm a vantagem de poderem optar por matricular os seus filhos em escolas lecionadas em português. Existem 39 opções de escolas brasileiras no Japão, localizadas principalmente em cidades como Nagoya, Toyohashi e Hamamatsu, a maioria oferecendo todos os anos de ensino obrigatório.

Pré-escola
Idade: 3-6
Obrigatório: Não
Ensino básico
Idade: 6-12
Obrigatório: Sim
Ensino secundário
Idade: 12-18
Obrigatório: Sim, até os 15 anos

Sistema de saúde japonês

O sistema de saúde público do Japão é dividido entre um sistema para trabalhadores e o sistema nacional. Todas as empresas que têm mais de cinco trabalhadores são obrigadas a facultar um seguro de saúde aos seus trabalhadores e aos seus familiares. Este seguro cobre até 80% dos custos de atendimento médico. Já o sistema de saúde nacional japonês é dirigido a todos os residentes que não trabalham. Este sistema cobre de 70 a 90% dos custos, dependendo da idade.

O sistema de saúde pública no Japão é de excelente qualidade. Não é à toa que o Japão é um dos países com a maior expectativa de vida do mundo, aproximadamente 84 anos. Os estrangeiros que decidem imigrar para o Japão para trabalhar ou estudar podem optar ou não por adquirir um seguro de saúde privado adicional. A maior vantagem de fazer um seguro de saúde privado é a possibilidade de ter atendimento médico em inglês.


Conduzir no Japão – é necessário ter uma licença internacional?

Para conduzir no Japão, é preciso apresentar uma licença internacional de condução, para além da carta de condução válida. Imigrantes que decidem morar permanentemente no Japão podem utilizar esta permissão internacional por até um ano após a chegada ao país, depois devem obter a carta de condução japonesa. Verifique a seguir outras informações úteis sobre conduzir no Japão:

  • A idade mínima para conduzir é 18 anos.
  • A sinalização nas autoestradas segue o padrão internacional e as placas nas grandes autoestradas são escritas em japonês e em inglês. No entanto, é recomendado que se familiarize com a sinalização em japonês.
  • Os limites de velocidade no Japão são: 60km/h para vias urbanas, 100km/h para rodovias compartilhadas e 120km/h em autoestradas.
Precisa de enviar documentos urgentes para o Japão? A Eurosender pode organizar o envio mais rápido da sua carta de condução, documento do automóvel ou certificado de matrícula a partir de qualquer lugar do mundo!
Enviar os meus documentos expresso

Como é morar no Japão

Viver no Japão, seja sozinho ou com filhos, é uma experiência muito diferente de qualquer país ocidental pela grande diferença cultural. Até mesmo o simples ato de ir à casa de banho é diferente no Japão, já que são eles os inventores do “washlet”, o vaso sanitário com controle eletrónico. Para entender um pouco melhor como é a vida no Japão, juntámos opiniões de nativos e expatriados sobre as vantagens e desvantagens de morar no Japão.

Vantagens de morar no Japão

  • Educação. O povo japonês é extremamente educado e tem o hábito de expressar gratidão mesmo nas situações mais simples. Ao mudar-se para o Japão, é essencial que esteja familiarizado com as normas e convenções sociais.
  • Limpeza. As crianças são ensinadas desde pequenas sobre a importância de valorizar o ambiente e mantê-lo limpo. Em muitas escolas, é comum as crianças serem responsáveis por limpar as salas de aula e, por vezes, até as casas de banho.
  • Transporte. O serviço de transporte é de altíssima qualidade, além de pontual e moderno.

Desvantagens de morar no Japão

  • Comunicação. O japonês é considerado uma língua difícil de aprender pela maioria dos expatriados de origens ocidentais. O inglês pode ser bem disseminado nas grandes cidades, mas é raro encontrar alguém fluente no interior ou vilas menores.
  • Difícil de fazer amizades. O povo japonês é muito reservado e, por isso, muitos imigrantes que decidem viver no Japão relatam ser difícil fazer amizades no início.
  • Horário de trabalho. Ver pessoas a descansar em bancos de um centro comercial ou praças é algo comum no Japão. O horário de trabalho é tão exaustivo que uma sesta durante o dia é algo socialmente aceitável (e até necessário).

Descubra instantaneamente o custo de mudar-se para o Japão

Digite para pesquisar
Digite para pesquisar

O QUE DIZEM SOBRE NÓS

Os nossos clientes confiam nas nossas soluções



DESTINOS MAIS COMUNS

Principais países de onde pode mudar-se para o Japão

Emigrar do Brasil para o Japão

A maior comunidade japonesa no Brasil está localizada em São Paulo, onde habitam milhares de descendentes. Muitos deles desejam conectar-se com as suas origens e ter a experiência de viver no Japão, seja para estudar ou trabalhar e, por isso, o número de imigrantes brasileiros no Japão está a crescer a cada ano. Apesar de estarem localizados em lados opostos do mundo, o transporte dos seus itens do Brasil ao Japão pode ser simples se organizado connosco.

Emigrar de Portugal para o Japão

A comunidade de emigrantes portugueses no Japão encontra conforto ao ser acolhido por tantos outros imigrantes lusófonos. As boas oportunidades de vagas de emprego para portugueses e a grande disponibilidade de escolas brasileiras no Japão são dois fatores determinantes para os portugueses decidirem viver no país. Organize já o transporte da sua mudança para o Japão de forma segura e económica com a Eurosender.

Emigrar dos Estados Unidos para o Japão

Há muitos anos que o Japão é considerado uma das principais economias mundiais e, com isso, surgem cada vez mais novas oportunidades de emprego para estrangeiros. Atraídos pela boa qualidade de vida, muitos americanos têm decidido imigrar e viver no Japão, seja com filhos ou sozinhos. Se gostaria também de emigrar dos Estados Unidos para o Japão, organize o envio dos seus pertences por transportadora connosco.


Aviso: Todas as informações apresentadas nesta página são verdadeiras e corretas em 14/08/2020, mas estão sujeitas a mudanças a qualquer momento. A Eurosender não é responsável por qualquer atualização ou mudança de qualquer informação contida nesta página ou ações de terceiros como resultado de informações desatualizadas. Ainda assim, fazemos o nosso melhor para ter sempre as informações atualizadas na nossa página.